domingo, outubro 15, 2006

Regulamento do Concurso de Fotografia RECTIFICADO

Regulamento do Concurso de Fotografia
Encontro Internacional de Olhares de Setúbal

Depois da realização deste encontro, que muito prazer nos deu em organizar, é tempo de realizarmos o Concurso da Melhor Fotografia do Encontro Internacional de Olhares de Setúbal, edição 2006.

Locais de Exposição
1. Assim, as fotografias a concurso serão expostas em três locais distintos: no nosso site (http://olheirosdesetubal.blogspot.com/), no site Olhares.com (http://www.olhares.com/) em secção dedicada a este concurso e, por último, no Moinho de Maré das Mouriscas, Setúbal, cuja inauguração será dia 1 de Dezembro de 2006, pelas 15 horas.


Participantes no concurso
2. Serão admitidos a este concurso os participantes e os acompanhantes que fizeram parte do Encontro Internacional de Olhares de Setúbal, independentemente do dia em que estiveram presentes.
3. Cada autor deverá escolher apenas uma fotografia, a sua melhor fotografia, não podendo já ter sido publicada na sua galeria ou vir a ser inserida até à data da inauguração da exposição, no dia 1 de Dezembro de 2006.
4. Apenas serão admitidas fotografias que tenham sido obtidas durante o encontro, em que o tema é livre.

Júri de selecção da melhor fotografia do encontro
5. O júri para a selecção da foto vencedora, é constituído por cada um dos participantes neste concurso, só eles poderão votar nas fotografias a concurso (excepto as suas).

Características das fotografias
6. Todos os participantes do encontro que desejem participar neste concurso, deverão enviar a sua fotografia em formato electrónico no formato habitual do Olhares (750 pixeis de lado) e em formato impresso em papel fotográfico no formato 20x25cm (*) para que possam ser expostas nos locais atrás indicados. A escolha da Vossa melhor fotografia por cada um de Vós deverá incidir também na qualidade de impressão da mesma, para ser colocada em exposição física. Não serão aceites fotografias impressas com qualidade medíocre.
7. As fotografias não deverão possuir qualquer tipo de assinatura ou característica pessoal que possa identificar de imediato o seu autor, devendo ter um título e local onde foi captada. A votação de cada um dos participantes deverá ser sigilosa, reduzindo ao mínimo a hipótese de haver votações tendenciosas ou amistosas, permitindo assim que se escolha a melhor fotografia do encontro pelos próprios participantes que concorrem.

Datas
8. As fotografias (tanto em formato digital como em formato de impressão) deverão obrigatoriamente ser submetidas para a Organização do Encontro até às 24h00 do dia 31 de Outubro de 2006. As fotografias em formato digital deverão ser enviadas para o e-mail para o endereço da Organização do Encontro (olheirosdesetubal@gmail.com). As fotografias impressas deverão ser recepcionadas até dia 17 de Novembro, na seguinte morada ao cuidado de Raul Alexandre: TOTALSTOR, S.A., Estrada de Alfragide, lote 107 – Edifícios Mirante, 2610-008 Amadora.
9. Entre os dias 1 e 30 de Novembro de 2006 as fotografias submetidas serão sujeitas à análise de cada um dos participantes no concurso, onde cada um deverá enviar o seu voto via e-mail para o endereço da organização do encontro (olheirosdesetubal@gmail.com), sendo que, em caso de empate, a decisão será tomada pelos membros da organização. Só serão considerados os votos de cada participante no concurso e que não tenha votado nas sua própria fotografia.

Prémio para o vencedor do concurso
10. O vencedor do concurso será apenas divulgado na data de inauguração da exposição, no dia 1 de Dezembro de 2006, no Moinho de Maré das Mouriscas, sendo dado destaque à fotografia vencedora no site da Organização do Encontro e no site Olhares.
11. O vencedor deste concurso será galardoado apenas com uma pequena lembrança, pois não temos qualquer tipo de fins lucrativos e não conseguimos, em tempo útil, arranjar um patrocínio relevante para oferecer um prémio. Até lá, se o conseguirmos, será muito bem-vindo.

Disponibilização das fotografias
12. Os participantes deste concurso deverão disponibilizar as suas fotografias (em formato digital e impressas) para a realização de exposições itinerantes, noutros locais que não apenas e só no Moinho de Maré das Mouriscas, bem como o uso das suas fotografias no site da Organização do Evento.

Casos omissos ao presente regulamento
13. Todos os casos omissos a este regulamento serão decididos pela Organização.




(*) Chamamos a vossa particular atenção para o facto do formato da fotografia em formato papel fotográfico ser 20x25cm.

16 comentários:

Paulo A. disse...

Boa noite a todos,
tenho uma dúvida quanto ao formato das fotos que serão sujeitas a concurso. Normalmente há os formatos 24x30cm e o 15x20cm. Desconheço o formato para fotografia de 20x25cm (seria o formato intermédio daqueles dois) que segundo me disseram não existe, pelo menos onde eu costumo imprimir fotos informaram-me disso.
Agradeço um esclarecimento em relação a esta "norma" do concurso...

Abraço e cumprimentos de amizade...

Raul Alexandre disse...

Paulo,

Obrigado pelo teu comentário. Convém de facto esclarecer esta questão. A escolha pelo formato 20x25 foi consensual na organização do evento por uma questão "logística" no que concerne à maneira como queremos montar a exposição. No entanto, vamos validar se podemos alterar este formato para outro considerado standard, como por exemplo o 15x20, muito embora o consideremos talvez pequeno para aquilo que idealizámos na montagem da exposição.

Quero, no entanto, realçar que este tipo de intervenção (exemplo disso, o teu comentário) é extremamente útil para nós pois não somos "senhores da verdade nem da sabedoria suprema" e estamos aqui também a aprender com todos vós. Todos os comentários com sujestões e críticas construtivas são bem vindos e só nos vêm ajudar a todos, à organização e aos restantes participantes. Agradeço-te imenso por isso.

Logo que tenhamos alguma decisão definitiva, e caso seja realmente necessário, alteraremos o presente regulamento.

Só para finalizar, aproveitanto igualmente para responder a uma outra dúvida levantada por um outro participante, as fotografias em formato papel fotográfico poderão ter uma margem na impressão. Deixamos essa situação ao citério de cada um. Apenas não poderão ter assinaturas ou algo que identifique de imediato quem é o autor da mesma (tanto em formato papel como em formato electrónico). Uma outra informação importante é que as fotografias impressas serão expostas sem recorrer a molduras e, por conseguinte, a qualquer Passepartout, mostrando a fotografia no seu todo.

Mais uma vez obrigado e vão ficando atentos a alguma alteração que possa surgir entretano no regulamento.

Abraço,
Raul Alexandre

Paulo A. disse...

Bom dia a todos,
obrigado Raul pelo esclarecimento. Ainda hoje fui informar-me quanto ao formato pedido no regulamento, de facto é possível fazer o formato 20x25 reduzindo a foto por corte (segundo me informaram). Faz-se a margem num 24x30 e depois procede-se ao corte dessa margem (informação numa loja de fotografia).
Li que as fotos vão ficar sem moldura, e eventualmente sem vidro à frente, ou terão um vidro para as proteger?
Se as fotos vão ser utilizadas para outras exposições deveriam ter algo a protegê-las, penso eu, o risco de se estragarem pode ser grande. Existe no mercado molduras em que existe um vidro e sómente um suporte na parte de trás para suportar a fotografia, e mesmo suportes em vidro na frente e detrás. São baratas e há à venda em vários tamanhos.

Um bom dia e cumprimentos de amizade,

Paulo A.

RalfBeier disse...

Boas.

A questao do formato em papel foi ontem reavaliado pela org. e fica 20x25 por ser um tamanho intermedio logo possivel mesmo para quem tem maquinas com menos pixeis, maior corriamos o risco de ter pessoas com dificuldades....
A protecçao das fotos ja foi tratado de forma a que nao se estraguem e que estejam bem
"elegantes" durante a Expo...

Abraços

Artur/ Ralf

Paulo A. disse...

É pena só hoje terem chegado a essa conclusão, ontem mesmo de tarde imprimi em formato 24x30 depois de ter já imprimido em formato 20x25 sexta feira... para enviar segunda feira... e como sabem custa dinheiro as impressões. Essas dúvidas deveriam ter sido atempadamente resolvidas aquando da definição das regras de um concurso. É mau mudarem-se regras a meio uma vez, quanto mais duas vezes. A meu ver deveria haver uma exposição de fotografias do encontro e não um concurso devido a estes acontecimentos que poderão suscitar dúvidas e questões que poderão desvirtualizar o espiríto do encontro.
A meu ver não faz sentido, nesta altura do campeonato, haver um concurso com regras mudadas 5 dias antes do término do concurso...

Abraço/beijo a todo(a)s

Rui Queirós disse...

É verdade que as regras deviam estar bem definidas desde o ínicio. :(
Eu por acaso ainda não imprimi, mas para quem já imprimiu é um cadito chato.

Um grande abraço para todos...
A minha foto segue amanhã ;)
Rui Queirós

Rui J Santos disse...

amigo paulo agradeço as suas duvidas e questões pois é assim que aprendemos .Não sei se o senhor alguma vez organizou alguma coisa deste género ,nós é a primeira vez ,e como já referido queremos que todos tenham a possibilidade de expor uma foto em condições visto só o senhor ter reclamado e muito bem pois nós também aceitamos criticas só me resta pedir desculpa e informa-lo que não vai ser por o dinheiro que gastou a mandar fazer a sua foto que ficará mais pobre amigo eu pago lhe do meu bolso essa importância um abraço rui j santos

Paulo A. disse...

Em primeiro lugar devo referir que os custos de imprimir uma foto não se cinge sómente ao dinheiro envolvido (como deve saber há tempo e disponibilidade também envolvidos, o que, para quem trabalha, pode acarretar algum prejuízo monetário também - afinal tempo é dinheiro) nem foi essa a ideia que eu quis passar. Ao reclamar das regras estarem a ser alteradas a meio de um concurso, eu disse que poderia, eventualmente, desvirtualizar esse mesmo concurso, ainda por cima pelas razões de que haveria pessoas que, para terem alguma qualidade nas fotos, necessitariam de tamanhos mais pequenos. Para evitar futuros mal estares e questões dessas, eu dei a sugestão para se fazer uma exposição e não um concurso já que assim ninguém se sentiria mal com a qualidade das suas fotos, o que provávelmente iria fazer aumentar o nº de participantes na exposição. Devo dizer que não acredito numa grande participação de olheiros neste concurso devido a isso mesmo, ser um concurso. Num concurso somos muito mais expostos a críticas e, quer se queira quer não, quem perde fica sempre com algum desapontamento, maior ou menor mas fica sempre. E quando as pessoas se conhecem pior ainda. Valerá a pena "estragar" um encontro com um concurso que acarreta julgamentos e selecções? Com a agravante de se ter mexido nas regras só porque "alguns" poderão não ter a qualidade desejada numa foto de determinado formato?
Não será melhor para o espírito do encontro haver sómente uma exposição e nada mais? Onde cada um poderia ver o trabalho de cada um sem "julgamentos" de quem foi pior ou melhor?
Embora haja pessoas que não deram a sua opinião devo dizer que há muita gente com quem falei que está de acordo com o que escrevi...
Pensem nisso se assim entenderem.

Sr Rui... não é com palmadinhas nas costas que aprendemos, é falando com sinceridade e com sugestões que podemos contribuir para que tudo melhore.


Cumprimentos a todo(a)s

Raul Alexandre disse...

Caro Paulo,

Dá-me a ideia que estamos aqui a fazer uma “tempestade num copo de água” perfeitamente desnecessário.

Já te foi atribuída totalmente a razão neste tema. Mas, como compreenderás, houve a necessidade de alterar (por uma questão de horas) a decisão nos formatos que iríamos aceitar por razões que nem deveríamos estar a expor e que só à organização dizem respeito. De qualquer modo, sinto-me na obrigação de passar que esta alteração teve a haver, fundanmentalmente, com a obtenção de um patrocínio que nos irá obrigar a este formato, patrocínio esse que muito em breve iremos divulgar.

Não interessa se é o melhor ou o pior, o que interessa é que estamos a tentar salvaguardar custos para todos, com o mesmo espírito que realizámos o encontro e que tanto prazer nos deu em oferecer, tal como todos aqueles que participaram tanto prazer tiveram em receber. E tu, és testemunha disso.

A preocupação com a qualidade de impressão no concurso é uma questão que poderemos considerar secundária, até porque a votação será elaborada por cada um de vós via e-mail, visualizando sim fotografias nos ecrãs dos vossos PCs e não fotografias impressas. Como é óbvio, até porque tencionamos mater a exposição activa por algumas semanas e, quem sabe, promover exposições itinerantes noutras localizações, tem que haver o mínimo de qualidade na impressão. Mas não vejo aí, também, grandes problemas. Julgo que uma máquina não muito potente, com 4-5 Mpixel, conseguirá uma excelente performance na impressão do formato escolhido.

Mas, também é importante que todos possam compreender que, tal como o Encontro de Olhares de Setúbal, esta é a primeira experiência que estamos a ter numa exposição e num concurso “a brincar”. Até porque, provavelmente, nem sequer iremos ter um prémio (a não ser uma pequena lembrança) para o vencedor. A nossa intenção continua a ser a mesma, ou seja, proporcionar e promover desculpas ligadas à paixão que nos une, para que nos possamos conhecer um pouco melhor, trocar experiências, melhorar em todos os aspectos a relação que temos com a fotografia e com quem padece da mesma paixão. Tu, por exemplo. Apenas e só isto.

Mas, se alguém conseguir fazer melhor (com ou sem experiência), muito agradecemos as suas sujestões, o seu apoio e a sua crítica (desde que seja construtiva). E aceitamo-la, tal como o fizemos com a tua crítica, onde o mea culpa foi desde logo assumido, com a organização a tencionar suportar os custos que tiveste na impressão da tua fotografia no formato inicialmente indicado, erro que mais uma vez a todos pedimos desculpa.

Penso que podemos assim pôr termo a este mal entendido, sendo que julgamos estar em condições de informar que não haverá mais alterações ao presente regulamento, podendo apenas existir algumas adendas ao mesmo (e não alterações) mas que não ponham em causa o envio das vossas fotografias e respectivo pseudo concurso.

Um grande abraço, com muita estima.
Raul Alexandre

Paulo A. disse...

Olá boa tarde (novamente)...
Por mim já nem sei o que se passou (se é que se passou algo), vamos é pedir para que todos participem com uma foto para que possamos partilhar, novamente, aqueles dias... e, de certo modo revivê-los...

Venham daí essas fotos!


Abraços/beijos a todo(a)s

Paulo A.

dudabarreiros@hotmail.com disse...

Olá a todos! Olheiros organizadores e os outros também!
Hoje já são 25 de OUTUBRO...ainda não tenho a foto impressa...:( possivelmente só amanha e à noite, veremos ainda... estou a ficar atrasada, temo perder o comboio!Se enviar em correio azul presumo chegar no ultimo dia aprazado. Oxala. Bem hajam pelo vosso trabalho e até breve.
Um beijão Olheiro...:)

Ricardo Soares disse...

Pessoal, não era este o espírito que esperava encontrar depois de um encontro tão bem sucedido. Acho que o Paulo e o Rui Queirós têm razão nas questões que levantam, mais não seja por as terem levantado, é bom que não fiquem dúvidas no ar. Como somos amadores agradecemos toda e qualquer sugestão. Quanto ao formato já não há nada a fazer pois já temos as molduras. Por causa da história do concurso optou-se por um formato defensivo para os editores de imagem que com formatos maiores são "desmascarados" pelo ruido... mas isso fica para outras calendas. Quanto à questão do concurso/exposição sabem qual a minha opinião, nunca concordei com a versão concurso porque o espírito não era esse e temo estar certo a julgar pelo número de pessoas que me têm dito que não vão participar pelo facto de não estarem para ser julgadas, contudo temos de ser coerentes com as nossas decisões e tentar levar o barco a bom porto ou o porto até ao barco. O concurso, neste momento, é só uma questão terminológica, o que interessa é a exposição enquanto motivação para mais um encontro de malta fixe, temos, sim, de fazer um esforço colectivo de chamar todos os participantes à EXPOSIÇÃO, eu sugiro que quem não está virado para o concurso (que é o meu caso) envie a foto só para a exposição, acho que assim já não vai haver desculpas.

Fiquem bem, abraço do Mike

sissi disse...

Oh, my God!!
Acordei tarde...
estou já a tratar da imagem,
no entanto, estou de acordo com os nossos amigos acima...
pela parte que me toca, posso ficar em ultimo lugar, não me importo nada.
Bjinhos e até Alcochete!!!

sissi disse...

Olá Ppl!!
Tenham uma Bom Fim de Semana!!
Espero e desejo que a minha foto, chegue a tempo...
Enquanto a exposição de fotos não chega, aproveitem e vejam o nosso filme.
ESTÁ LINDOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!!
Esta mulherada é louca?...
Porque será que gostam de PIRATAS?...
Bjs
Sissi

http://www.grapheine.com/classiktv/classiktv_play.php?id=40137

Anónimo disse...

Luis Lopes
Espero que esteja a correr tudo bem para todos, estou de acordo que não deveriamos chamar concurso ou qualquer coisa idêntica mas, sim uma exposição do que vimos e sentimos naqueles dois dias maravilhosos. Só uma pequena dúvida, então como votamos as imagens, onde as vemos? Abraços e beijos para todos.

Lenita Nabais disse...

Olá OLHEIROS!
Irei com todo o gosto a Setúbal, dia 1 de Dezembro, à inauguração da exposição das fotos!!! O Jantar também vai ser muito divertido, acreditem!
Vocês encantam-me! Eu, que queria ir ao Algarve, troco o Sul do país pela vossa companhia !!! GRANDES OLHEIROS nós somos!!! Já tenho AMOR aos OLHARES e o víciozinho de clicar!!!Um vício saudável!!! Beijokas e vai haver muita alegria e camaradagem dia 1 de Dezembro! Adoro a vossa companhia! Lenita Nabais